Meu carrinho
Carrinho Vazio

Anéis Ouro

Filtrar

Saiba como reconhecer a procedência dos anéis de ouro

O ouro é o mais cobiçado dos metais, já que se tornou símbolo de ostentação e até uma forma de selar o amor. Uma das peças mais desejadas pelas mulheres é o anel de ouro. Ele é amado por ter uma durabilidade indiscutível, que pode perdurar por uma vida, além de possuir brilho e beleza.

No entanto, todas as suas características custam caro. Uma boa notícia é que ele pode ser substituído por uma semijoia igualmente bela, o famoso anel banhado a ouro, mas feita com matérias-primas mais acessíveis. Se decidiu optar por um autêntico anel ouro, saiba como saber se a jóia é verdadeira:

 

Método clássico

 

 

Provavelmente você já viu alguém morder uma joia para saber de qual material ela é, esse processo ainda é válido. Ele ocorre porque um item de ouro é mais maleável e marca com facilidade, diferente dos outros metais.

Verifique os registros

As peças originais costumam portar uma identificação em baixo relevo, com o grau de seus quilates. Geralmente você encontra a informação na parte interna do anel, brinco ou colar. 

Características marcantes

O ouro possui uma coloração amarela e permanece do mesmo modo enquanto perdurar, por isso duvide de anéis com uma tonalidade diferente. Outro indício de falsificação é quando a peça apresenta oxidação, um sinal de que não é feita com esse material.

Também é possível verificar a peça com gotas de ácido nítrico, se houver uma mudança na cor, ela não é fabricada em ouro. Uma loja especializada pode facilitar o processo, de preferência para os ouvires, pois eles possuem muita facilidade para identificar.

Se adora a beleza do ouro, mas não quer investir muito, opte por uma semijoia, que leva um banho de metal, tem toda a primazia de detalhes e custa muito menos. Confira os lindos e modernos modelos da Saves Semijoias.